Você não vai acreditar quem é o marido de Cláudia Abreu. Você vai ficar sabendo quem é o marido de Cláudia Abreu e também quantos filhos a atriz tem.

A atriz Cláudia Abreu nasceu no Rio de Janeiro em 12/10/1970. Em 1986, fez sua estreia na Rede Globo, ao participar de um episódio da série “Tele Tema”. Em seguida, foi escalada para a novela “Hipertensão”, interpretando Luzia. Logo depois, integrou o elenco da novela “O Outro”, ganhando popularidade rapidamente principalmente quando, em 1989, coprotagonizou o grande sucesso “Que Rei Sou Eu?”, vivendo a princesa Juliette.

Já em 1990, Cláudia Abreu viveu uma das personagens mais marcantes de sua carreira, a dançarina Clara, da novela Barriga de Aluguel. A personagem aceita alugar o útero para gerar o filho de outra mulher, levantando uma discussão sobre o tema.

E para você, qual sua opinião sobre esse assunto polêmico? Deixe aqui sua opinião.

A atriz também participou do filme “Tieta” em 1996. Ao lado de Sônia Braga e Marília Pêra, interpretou Leonora.

Outros papeis marcantes na bela carreira de Cláudia Abreu ocorreram na minissérie Anos Rebeldes em 1992, como a jovem militante Heloísa, que, de mocinha mimada e rica, entra para a luta armada e combate o golpe militar de 1964. Sua atuação lhe rendeu o prêmio de melhor atriz.

Apesar da vida corrida, Cláudia Abreu encontrou um tempinho para cursar Filosofia pela PUC do Rio, formando-se em 2009. A atriz é casada com o cineasta José Henrique Fonseca, filho do saudoso escritor Rubem Fonseca. Da união, selada em 1984, nasceram quatro filhos: Maria, Felipa, José Joaquim e Pedro Henrique. Cláudia Abreu faz questão de manter a discrição quanto o assunto é a vida pessoal. Raramente são fotografados juntos. Para eles, as redes sociais servem para postagens relacionadas a trabalho ou algum tema de importância social.

Compartilhe.
Avatar de Cristina Leroy Silva

Formada em letras pela UNICURITIBA, Cristina Leroy começou trabalhando na biblioteca da faculdade como uma das estagiárias sênior. Trabalhou como revisora numa grande editora em São Paulo, onde cuidava da parte de curadoria de obras que seriam traduzidas/escritas. A 4 Anos decidiu largar e se dedicar a escrever em seu blog e sites especializados